sábado, 3 de abril de 2010

Poetas - Poemas e Frases.

Um fim de mar colore os horizontes.
Manoel de Barros










Ela

Lá estava ela.
Lá, onde o flamboyant florido espargia seu vermelho
Incendiando o lago.
Se perdendo em loucos devaneios...
Era eu na margem, entre as folhagens, escondido em meu segredo.

Preguiçosos fiapos de nuvens no imenso céu azul
O sol dourado findava a tarde e um bando de maritaca alardeavam no pé de araucária que iam para o sul.
Perto de mim um Louva-deus com seus estranhos olhos me auscultavam.
Agarrava-me aos meus derrocados princípios para não responder a que vinha...
Enquanto o tardio crepúsculo com seu espetáculo não abrandavam...
A transparente água acariciava seu corpo nu de ouro e rubi
Como adoraria não ter freios!
.
M@ioni



- No campo de amoras
quem será que mora?

- Ora, por que perguntas agora?

- É que ouvi o canto, lá fora,
do vento a sussurrar nos ouvidos
de uma doce amora.

- Estás a ouvir absurdos
ouves estrelas a cantar na aurora;
amoras têm ouvidos surdos
e lá naquele campo ninguém mora.

- Então, são ilusões dos sentidos
quiçá esquecê-las melhora
meu devaneio perdido
minhas lembranças de outrora;
por certo, é tempo já ido
outro dia, outra hora,
outros beijos dormidos
em outros braços, outros lábios,
outra senhora.

Gutemberg








Experimentando a manhã dos galos


... poesias, a poesia é

- é como a boca
dos ventos
na harpa

nuvem
a comer na árvore
vazia que
desfolha a noite

raíz entrando
em orvalhos...

floresta que oculta
quem aparece
como quem fala
desaparece na boca

cigarra que estoura o
crepúsculo
que a contém

o beijo dos rios
aberto nos campos
espalmando em álacres
os pássaros

- e é livre
como um rumo
nem desconfiado...

Manoel de Barros






O VELHO E A FLOR

Por céus e mares eu andei,
Vi um poeta e vi um rei
Na esperança de saber
O que é o amor.

Ninguém sabia me dizer,
Eu já queria até morrer
Quando um velhinho
Com uma flor assim falou:

O amor é o carinho,
É o espinho que não se vê em cada flor.
É a vida quando
Chega sangrando aberta
em pétalas de amor.

Vinícius de Moraes

6 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. QUE DIACHO DE COISA SERÁ ISSO
    FAZ CORRER RIOS DE TINTA HA SECULOS E NINGUEM SABE,VÃO ALUA FAZEM BOMBA ATOMICA MAS ISTO NINGUÉM SABE.....
    ESTRANHO !!! SO ESTE VELHINHO QUIÇA ANALFABETO DEU RESPOSTA COM LOGICA E LINDA

    ResponderExcluir
  3. Andei junto ao vento lamentando o silencio.
    O dia mais importante da vida da gente não é o dia em que conhecemos uma pessoa, mas sim quando ela passa a existir dentro da gente “Há ai encontramos nossa riqueza! Se meu amor fosse como o universo, seriam iluminados por estrelas, raios de calor passaria queimando tudo ate que um meteoro chegasse e esbaldasse a felicidade! queria “eu chega bem perto da lua. Imaginar-nos - da à Alma. Realizar-nos - da o Corpo Amar-nos - da à Vida. "As flores são bonitas em qualquer lugar do mundo muitas gente tem forma mais não tem conteúdo” Quando sentires a minha falta olhe para o céu a estrela mais brilhante, lá estarei eu apenas para te dizer boa noite, e se no futuro eu não for seu presente lembre-se que fui parte do seu passado!Ao andar com o vento o meu tempo nunca para como as folhas balançarem é os pássaros canta a canção da paz do amor é nem dor mais sente. O amor faz com que a alma saia de seu esconderijo..

    ResponderExcluir
  4. muito linda as poesias fazer parte do que e especial nos mostra com podemos nós sermos iguais a todos

    ResponderExcluir